Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

vamosfalardequê

Umas quantas opiniões

vamosfalardequê

Umas quantas opiniões

Ontem dei em nerd (contém um pequeno spoiler)

Não sei se estou a aplicar o termo correcto, mas acho que sim.

Aproveitei a folga e fui ao cinema com amigos para ver o Mil e Uma Maneiras de Bater as Botas. Só rir, cada riso pior que outro.

Enquadrando temporalmente o filme passa-se em 1882 no Velho Oeste onde segundo a personagem principal, protagonizado pelo Seth MacFarlane, tudo te pode matar.

Já a meio do filme há uma cena em que a personagem principal vagueia pela pequena vila à noite e repara numa estranha luz a sair de um pequeno celeiro. Vai até lá, abre a porta e repara num velho de cabelo branco a trabalhar numa estranha máquina. Encurtando, foi uma referência à trilogia Back to the Future, quando o Doc fica preso no séc. XIX. Até aqui tudo bem, uma referência a filmes que gosto. O problema é que na trilogia o Doc fica preso em 1885 e o filme passa-se 3 anos antes.

No final comentei com quem foi comigo ee fui logo rotulado de nerd e picuinhas por saber isso ao pormenor. 

E apesar de ontem não o ter admitido, admito hoje. Sim, sou picuinhas.

Decidi voltar a ver O Rei Leão

Ontem depois de ter visto um vídeo no Watchmojo em que uma das cenas mais tristes dos filmes Disney era a morte do Mufasa, não pensei duas vezes e fui logo para o Wareztuga.tv para ver o filme antes de ir para o trabalho.

Assim que apareceu o nascer do Sol e começou a música arrepiei-me e lembrei-me das muitas tardes enquanto criança que ficava sentado no sofá a ver o filme uma e outra vez.

 

O tal filme

Não é desta que me estreio na sétima arte. Quando já estava quase tudo acertado sobre onde ia ser e quem ia entrar, saem as datas das gravações. 2 dos dias são em dias de aula. Não é problema de dar faltas, já que como estou a repetir a cadeira as faltas não contam. Sim, porque na minha faculdade a assiduidade conta para a nota. Mas a semanas da segunda frequência faltar a uma só aula é o suficiente para quando se volta é quase como se estivessemos numa aula diferente. 

A pessoa que me tinha falado disto ficou um pouco chateada por eu não ir, mas tem passado os dias a falar-me dos dias das filmagens para me convencer a que eu vá e é possível que isso aconteça.

Quanto ao guião, li, gostei e deu um arrepio. A quem o escreveu, os meus parabéns.

Agora é esperar para ver se há outra oportunidade.

Há a possibilidade de entrar num filme

No Verão passado antes de ter arranjado trabalho passava uma boa parte da manhã na internet e foi aí que conheci uma rapariga que actualmente estuda na etic em Lisboa. Desde então temos vindo a falar regularmente e há uns dias ela disse-me que tem uma actividade extra-curricular. Essa actividade fazer um filme. Pelo que ela me contou será um filme de terror a realizar em local a escolher.

Em tom de brincadeira perguntei se precisavam de actores e ela disse que sim. Ao início não acreditei porque os níveis de sarcasmo e ironia nela são bem altos, mas era verdade, precisam de actores.

A minha dúvida é se deva fazê-lo, não perdia nada apesar de não estar relacionado com a minha área. O problema é que o filme vai ser rodado em Lisboa e viver a cerca de 60 quilometros dificulta um pouco isso.

Vamos falar de um hábito que eu tenho

Recentemente subscrevi a um novo canal no Youtube, o Watchmojo.com, um canal que se enquandra na secção de entretenimento, que todos os dias lança um Top Ten. Hoje e como a preguiça me ganhou e não fui ao ginásio, fiquei pelo computador a ver alguns desses Tops. Vi vídeos das crianças mais irritantes do mundo das sitcoms, as piores comédias, 2 relacionados com músicas e vi ainda um que me lembrou das manhãs de sábado dos anos 90, quando dava o mítico Dragon Ball Z. Tudo isto antes de chegar a uma secção mais obscura dentro do mesmo canal, tudo relacionado com filmes de terror. E a minha pergunta é porque é que eu vejo isso? Eu estou 8 horas praticamente sozinho num hotel com cerca de 50 anos e com o mau tempo que se tem feito sentir o que não falta são barulhos para me manter alerta e com ar de desconfiado para o local de onde acho que veio o barulho. Desses Tops em questão, tenho a dizer que em Itália nos anos 80 fizeram-se alguns filmes em que dizer estranhos é pouco, ao ponto de num deles o realizor ter sido acusado pelo desaparecimentos de membros do elenco. Como eu disse, chamá-los de estranhos é ser simpático.

Não sei o porquê de gostar de ver coisas dentro desse género seja filme, documentários ou série. Se tiver uma pontinha de terror vejo e no final fico a pensar que se calhar não deveria ter visto. Filmes como o Saw não me fazem muita impressão, apesar de já me ter passado pela cabeça "e se um maníaco decide ficar alojado e a meio da noite vem à recepção?". Mas o tipo de filme que terror que meta algo sobrenatural divide-me, parte de mim não quer ver e por razões óbvias, mas outra parte quer e muito. E é por isso que filmes como Mama e The Woman In Black fazem parte dos já vistos.

É que depois de ter visto isso, decidi ir fazer uma sesta, na qual foi acompanhado pela minha gata. Já estava num estado digamos de pré sobressalto e para ajudar a minha riqueza de animal de estimação decide ficar a olhar para um ponto fixo na parede com as púpilas dilatas. O que vale é que ela se distrai sempre que alguém bate palmas e foi o que fiz e passado um pouco lá adormecemos.

De qualquer forma eu dou os parabéns a quem escreve, realiza e edita, conseguir pôr quem vê em sobressaltos pode parecer fácil, mas acredito que não seja.

E apesar de certa  forma me ter acabado de queixar, já tenho pronto a ver no mesmo canal um vídeo com o título Top 10 Saw Traps.

 

Aceitam-se comentários.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D